Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

EDUCAÇÃO DIFERENTE - Gabinete de Apoio e de Intervenção

EDUCAÇÃO, SOCIEDADE E DEFICIÊNCIA

EDUCAÇÃO DIFERENTE - Gabinete de Apoio e de Intervenção

EDUCAÇÃO, SOCIEDADE E DEFICIÊNCIA

Divulgação

Bom dia,

 

Solicito, se possível, a vossa ajuda na divulgação.

Agradecemos se divulgarem para a vossa base de dados.

 

 

Congresso Internacional

Intervenções Integrais: Modelo Biomédico, Educacional e Comportamental

 

 

O ABA- Centro de Terapias Comportamentais...

Tem o prazer de o convidar para o Congresso “Intervenções Integrais: Modelo Biomédico, Educacional e Comportamental” que vai  decorrer no dia 6 e 7 de Março de 2010, no auditório do Glaxo SmithKline, em Miraflores, cujo programa e ficha de inscrição se encontra em anexo.

 

Pretende-se, com este evento, apresentar como as intervenções integrais respondem de forma mais eficaz às necessidades dos indivíduos com perturbações de desenvolvimento, seja esta o autismo, défice de atenção e hiperactividade, ou outras motivadas por a doenças como a epilepsia, doença bipolar ou outras.  

 

Para tratar estes temas foram convidados especialistas de renome internacional na Área Biomédica – Dra. Leticia Domínguez R., Dra. María Jesús Clavera Ortiz, Prof. Lilia Negrón, Lori Knowles, Wilberto Castillo, Dr. William Shaw - e na Área Educacional e Comportamental – Prof. Armando Machado, Prof. Angeleque Akin-Little , Prf. Jens Skar, entre outros -, cujos currículos são os seguintes:

 

Armando Machado:

 

Armando Machado fez a sua formação académica inicial em Lisboa e depois na Bélgica, sob a orientação de Marc Richelle e Helga Lejeune durante dois anos. Em 1993 concretizou o seu doutoramento sob a orientação de John Staddon da Duke University, EUA. Em sequência da investigação que efectuou para o doutoramento, recebeu o “Annual Dissertation Award” da Divisão 25 da APA (American Psychological Association). Entre 1994 até 2000 foi professor da Indiana University, EUA. Em 2000 mudou-se para a Universidade do Minho, Portugal, onde continua a participar em diversas investigações relacionadas com as áreas do comportamento e da aprendizagem. Na maioria dos seus estudos, contrasta os resultados da experiência laboratorial com a previsão modelos matemáticos simples sobre o comportamento e a aprendizagem. O seu trabalho tem sido publicado em diversas revistas e jornais da especialidade e financiado pela “National Institutes of Mental Health” (USA)  e a Fundação Portuguesa para a Ciência e Tecnologia (Portugal). Já foi responsável pelo programa e posteriormente, presidente da Sociedade Quantitativa de Análise Comportamental (Society for the Quantitative Analysis of Behavior) e, actualmente, é presidente da Associação Portuguesa de Psicologia Experimental. Foi também editor de diversos jornais científicos ao longo da sua Carreira e presentemente, membro das comissões editoriais de diversos jornais internacionais.

 

Angeleque Akin-Little:

 

Angeleque Akin-Little recebeu o  seu doutoramento em psicologia Educacional pela universidade do Mississipi sul (University of Southern Mississippi) em Agosto de 1999. Actualmente, é membro do corpo docente do Curso de Psicologia Educacional do departamento de Ciências Sociais, Comportamentais e de Saúde da Universidade Walden (School Psychology Program in the College of Social, Behavioral, and Health Sciences at Walden University). Leccionou em diversas instituições, incluindo a Universidade de Hofstra (Hofstra University), Universidade de Albany (University at Albany), Universidade do estado de Nova Iorque (State University at New York) e Universidade do Pacífico (University of the Pacific). Profissionalmente, Akin-Little tem trabalhado com duas escolas acreditadas pela APA (American Psychological Association) e é uma psicóloga credenciada pelos estados de Nova Iorque e da Califórnia. Já publicou 50 artigos em jornais científicos e académicos, capítulos em livros e obras completas, entre outras publicações, e fez mais de 60 apresentações a nível nacional (EUA). Recentemente, foi nomeada membro do APA (divisão 16). Os seus interesses em investigação são extensos e incluem aspectos da Psicologia Educacional e da Análise Comportamental, principalmente na área da motivação humana.

 

Jens Skar:

 

Jens Skar é Psicólogo Clínico, Analista comportamental e membro da Associação psicológica da Noruega (Norweigen Psychological Association). Fez o seu doutoramento pela Universaidade de Bergen, na Noruega, em 1980. Desde 2001, é Director do Instituto de Análise Comportamental Aplicada, em Stavenger, na Noruega. Tem desenvolvido projectos e investigações em diversos contextos, ao nível individual, em grupo e comunitário.

 

Leticia Domínguez R.:

 

Leticia Dominguez é Médica Estomatologista da Universaidade Autónoma Metropolitana do México. Foi Co-fundadora e Presidente da “Liga de Intervención Nutricional contra Autismo e Hiperactividad A.C.” (LINCA).  Palestrante e organizadora de vários congressos e seminários sobre autismo e PDAH(perturbação de défice de atenção e hiperactividade). Foi autora do livro “Mejorando la Calidad de Vida de tu hijo Autista e Hiperactivo” e de vários artigos sobre a mesma temática em diferentes publicações. Além disso, foi tradutora e colaboradora do livro “Tratamentos Biológicos do Autismo e PDD” do Dr. William Shaw. É mãe de uma adolescente com autismo de 15 anos. Promotora da dieta isenta de glúten e caseína e da importância da intervenção nutricional.

 

Lilia Negrón:

 

Lilia Négron é Médica Psiquiatra da Universidade Central da Venezuela. Apresenta experiência desde 1974 em perturbações do foro psiquiátrico em crianças e adolescentes com autismo e no método TEACCH. Desde 1978 que investiga questões biológicas no tratamento e avaliação no Autism Research Institute. É a fundadora de SOVENIA (Sociedad Venezolana para Niños y Adultos Autistas) e do centro Bernard Rimland para perturbações do espectro autista, participante DAN! Venezuela e directora da clínica de higiene mental “Dr. Alberto Mateo Alonso” na Venezuela.

 

Lori Knowles:

 

Lori Knowles é a mãe do Daniel, de 8 anos, diagnósticado com autismo e hoje totalmente recuperado. Actualmente, é a directora de New Beginnings Nutritionals, uma empresa distribuidora de suplementos nutricionais especiais para crianças com autismo. Tem participado em múltiplos seminários internacionais, onde tem partilhado os seus conhecimentos e história pessoal. É a presidente da SPIN (Spectrum Parents Intervention Network) associação de apoio para pais de crianças com autismo.

María Jesús Clavera Ortiz:

Maria Clavera é licenciada em Medicina e Cirugía pela Universidade Autónoma de Barcelona. Especialista em Pediatria; Certificada na área da Saúde; em Estatística Médica e Epidemiologia pela Universidade Pierre et Marie Curie de Paris. Foi membro da Comissão Epidemiológica para o estudo da Epidemia do Síndrome Tóxico no ano 1981, estudo que demorou vários anos da sua vida e que fundamentou as suas bases de forma especial no que toca a avaliar e tratar doenças e epidemias. Estuda Medicina Holística desde 1990, especialmente Medicina Natural e intervem principalmente em doenças crónicas, autoimunes e degenerativas, tanto em crianças como em adultos. É membro da "SEMN" (Sociedad Española de médicos Naturistas), da "SEMO" (Sociedad Española de Medicina Ortomolecular) e da "PHYTOSALUS" (O.N.G. de recursos para a Fitoterapia em Burkina Faso). Desde 2001 que tem o privilégio de conhecer o protocolo DAN (Defeat Autism Now!), específico para crianças com autismo e problemas no Desenvolvimento, baseado nos mesmos principios nutricionais e ortomoleculares que já usava. Actualmente, é médica DAN e dirige os tratamentos biológicos através da sua clínica em Madrid e Barcelona.

 

 

Nicole Dias

 

Nicole Dias tirou a sua licenciatura no ISPA (Instituto Superior de Psicologia Aplicada) em 2005. Em 2006 integrou na primeira equipa a aplicar intervenções ABA (Applied Behavior Analysis) em Portugal, em crianças e adolescentes com necessidades educativas especiais, na qual ela coordenou equipas clínicas e programas de intervenção. Em 2008 co-fundou a Ideiaba, Lda, uma empresa dedicada à formação profissional, desenvolvimento de material didáctico e intervenção clínica. A Ideiaba é uma entidade que gere o ABA – Centro de Terapias Comportamentais, no qual a Nicole coordena equipas clínicas e programas de intervenção comportamental, formando psicólogas e profissionais da educação na aplicação das estratégias de ABA, entre outras responsabilidades, sob a supervisão da Reut Peleg (analista comportamental). A Nicole já apresentou workshops e seminários acerca de diversos tópicos relacionados com a intervenção comportamental, incluindo introdução ao ABA, princípios fundamentais, gestão de sala de aula, entre outros.

 

Reut Peleg

 

Reut Peleg obteve o seu B.A em Psicologia pela Universidade de Essex em 1996. Mais tarde, obteve a sua qualificação como analista comportamental pela Universidade de Tel-Aviv em 2000 e o seu grau de mestrado em Psicologia Geral pela Universidade Walden (EUA) em 2009, sob a orientação do Dr. Steven Little. A Reut tem trabalhado com crianças e adolescentes em Israel e Inglaterra, sob a supervisão do Professor Amos Rolider e do Dr. Paul Holland respectivamente. Ela tem coordenado programas de intervenção comportamental, conduzido análises funcionais, tem formado profissionais na aplicação de intervenções comportamentais intensivos e específicas, bem como coordenado programas escolares em ambos os países. Em 2001, a Reut serviu como supervisora do projecto de inclusão de ABA nas escolas pela NAS (National Autistic Society) em Israel. Em 2004, a Reut emigrou para Portugal, onde co-fundou a Ideiaba, Lda, uma empresa dedicada à formação profissional, desenvolvimento de material didáctico e intervenção clínica. A Reut já apresentou diversos workshops e participou em conferências em Israel, Inglaterra e Portugal.

 

Wilberto Castillo:

Wilberto Castillo é o Coordenador Internacional de Projetos Especiais do The Great Plains Laboratory, Inc. Ele tem falado sobre testes e intervenções biomédicas a pais e profissionais em conferências de autismo e anti-envelhecimento (anti-aging) nos Estados Unidos, no Canadá, no Brasil, nas Antilhas Holandesas, na Alemanha, na Suíça, em Espanha e em Marrocos. Nos últimos quatro anos, ele tem trabalhado com o Dr. William Shaw, PhD e com a Dra. Leticia Dominguez para ajudar pacientes autistas e com doenças crônicas, em mais do que 90 países do mundo. Ele guia os pais e os professionais nos processos de realização de testes e de envio de amostras ao Laboratório Great Plains. Também ajuda os pais a entender o significado clínico dos resultados dos testes e dá recomendações gerais sobre suplementação. Ele gosta de criar consciência sobre os benefícios dos tratamentos biomédicos e das intervenções comportamentais no bem estar das crianças e dos adultos no mundo inteiro.

William Shaw:

William Shaw  é membro certificado nas áreas de química clínica e toxicologia pela American Board of Clinical Chemistry. Antes de fundar The Great Plains Laboratory, Inc., Shaw trabalhou em Centros de control e prevenção de doenças (Centers for Disease Control and Prevention - CDC), Children’s Mercy Hospital, na escola de Medicina da Universidade de Missouri em Kansas City, e Laboratórios Smith Kline. Foi autor de Biological Treatments for Autism and PDD, originalmente publicado em 1998 e de Autism: Beyond the Basics, publicado em 2009. É também um participante frequente de conferências em todo o mundo. É padrasto de uma criança com autismo e tem ajudado profissionais e outros pais a melhorarem a qualidade de vida de indivíduos com autismo, PDAH, Alzheimer, perturbação bipolar, entre outros.

Com os melhores cumprimentos,

 

Cátia Sousa